Fonte: Devin Grayson via Twitter

Devin Grayson, criadora de Yelena Belova nos quadrinhos da Marvel, veio a público em seu twitter esclarecer sobre a sexualidade da personagem interpretada por Florence Pugh.

“Eu esperava não ter que revisitar esse assunto, mas ainda continuo recebendo muitos e-mails e DMs me perguntando sobre a sexualidade de Yelena Belova. Eles parecem estar se unindo em torno da questão do que é canon (verdadeiro/confirmado), então vamos falar sobre isso.

Na ficção, os traços de um personagem são canon quando eles são explicitamente mencionados no material de origem ou divulgado. Para Yelena, isso significaria impresso em quadrinhos, ou filmado para um episódio de tv ou em um filme que ela aparece.

Como eu tentei anteriormente explicar, as pessoas que decidem o que as coisas podem ou não podem ser, não são os contratados independentes, como eu, escrevendo roteiros para Marvel e Disney. Eles são os editores, produtores e executivos que contratam essas pessoas.

Yelena é canonicamente ace? EU NÃO SEI. Eu acredito que não, mas ela esteve em muitos quadrinhos que eu não li. Supondo que nenhum deles aborde o assunto em específico, então não, isso não é canon. Se um deles aborda ou menciona, então sim, poderia ser. Isso que canon significa.

Se não é canon e você gostaria que fosse porque a representação é importante para você, por favor entre em contato com os editores e chefes de estúdio que poderiam fazer isso acontecer. Faça alguma pesquisa para descobrir como acessá-los e diga a eles o que você quer ver, e por quê.

Enquanto isso, minhas ideias sobre ela são headcanon (não é canon/ não confirmado). Suas ideias sobre ela são headcanon. Até que saiam de sua boca na tela, até as ideias de Florence Pugh sobre ela são headcanon. E aliás, HEADCANON É INCRÍVEL!

Como regra geral, a maioria dos escritores de quadrinhos, tv e cinema são muito abertos e apoiam arcos de personagens que ligam um personagem a uma comunidade específica. Muitas corporações multibilionárias não são. Portanto, gaste sua energia tentando mudar as mentes nesse nível.

Enquanto isso, por favor não sejam indelicados um com o outro. Representação é extremamente importante e vale a pena lutar por isso. Mas um estranho na internet discordando do seu headcanon não é um reflexo da sua identidade pessoal. Essas pessoas não podem dizer o que você é.

Salve sua ira para as pessoas que lucram com o personagem enquanto não abordam suas preocupações. Não sou eu, ou seu atual escritor de quadrinhos, ou os roteiristas associados com os filmes e séries em que ela está. Não são os outros fãs. São os executivos da corporação que a possuem.

Headcanon não precisa ser justificado — por definição, é uma tomada individual. E você não nunca precisa perguntar a outra pessoa se é canon — por definição, essa informação está disponível publicamente.

Eu escrevi essa thread a pedido de várias pessoas na minha caixa de entrada, mas eu suspeito que o que muitos de vocês estão realmente pedindo é que eu diga algo que de alguma forma faça outras pessoas em sua timeline serem mais legais com você. Eu gostaria de poder fazer isso.

As mídias sociais são construídas para amplificar a indignação e atrocidades. Não há como fazer todo mundo feliz, e fazer isso não é seu trabalho. Fandoms, tristemente, podem ser bem tóxicos. Mas também podem ser maravilhosos.

Escolha ser maravilhoso. E mais uma vez, obrigada por se importar com Yelena.”